Incidente

Como a sua empresa responde a incidentes?

Todas as empresas, independentemente de seu porte ou setor, estão neste exato momento sob a ‘mira’ extremamente precisa dos cibercriminosos. É por isso que elas precisam estar devidamente preparadas para responder a possíveis incidentes, como ataques virtuais – mesmo que seu ambiente corporativo esteja protegido por soluções de segurança modernas e confiáveis que as protegem de ameaças tanto internas como externas.

Ao responder a um incidente de forma eficaz, a empresa consegue não somente limitar os prejuízos gerados pela violação de segurança, como também reduzir o tempo em que ela levará para se recuperar totalmente e voltar a operar no mercado. Nesse post, falaremos sobre os passos que os gestores devem dar para responderem a incidentes e as soluções tecnológicas que podem ajudá-los a identificar falhas na segurança. Confira:

Os passos para um tratamento de incidentes eficaz

Em plena era digital, aquelas empresas que ainda não possuem um plano de resposta a incidentes estão correndo um grande risco. Isso porque, se a sua segurança for violada, elas não poderão enfrentar o incidente de forma adequada. E isto, certamente, irá gerar consequências desastrosas para o negócio. A seguir, listamos os passos que toda empresa deve dar para gerir eventos inesperados, segundo o Instituto SANS:

  1. Preparação: o primeiro passo é educar os colaboradores acerca da importância das medidas de segurança. Quanto aos membros da equipe de TI, eles precisam ser devidamente treinados para resolverem rapidamente os problemas de segurança;
  2. Identificação: após uma possível falha na segurança ser detectada, a equipe de resposta da empresa deve ser acionada para verificar o evento e decidir se ele é, de fato, um incidente de segurança que prejudicará as operações do negócio;
  3. Contenção: se a equipe de resposta informar que a ameaça é real, então os outros membros do time de TI devem conter o incidente desligando todos os sistemas e dispositivos que foram infectados para evitar que eles sejam ainda mais danificados;
  4. Erradicação: a equipe de TI deve realizar uma detalhada investigação para descobrir a origem da falha de segurança. Depois da causa raiz do problema ser detectada, os profissionais deverão remover todos os vestígios de códigos maliciosos;
  5. Recuperação: os dados e sistemas são restaurados para garantir que a ameaça foi eliminada. Os profissionais de TI continuarão monitorando toda a infraestrutura para identificar sinais que indiquem que o problema permanece ainda ativo;
  6. Conclusão: os gestores e sua equipe analisam o incidente, estudam a forma como ele foi tratado e criam novas medidas para evitar que ele ocorra novamente. O incidente servirá para preparar a empresa para lidar melhor com futuras falhas de segurança.

O papel das soluções de segurança no tratamento de incidentes

Se uma ameaça interna ou externa infectou a rede corporativa, então os gestores e os profissionais de TI devem identificar rapidamente quem foi o responsável pelo ataque. Além disso, eles precisam conhecer o tipo de ameaça com a qual estão lidando e quanto exatamente ela impactou a rede e os dispositivos da empresa. Somente com essas informações é que eles poderão colocar o plano de tratamento de incidentes em ação.

Algumas ferramentas de resposta a incidentes podem coletar e entregar essas informações para os responsáveis em tempo real, através de relatórios precisos que os permitem identificar rapidamente a raiz do problema e resolvê-la rapidamente. Esses relatórios são unificados e mostrados através de uma interface web, o que permite que os gestores não percam tempo analisando informações de várias ferramentas não integradas.

As melhores ferramentas de resposta a incidentes do mercado também monitoram constantemente a rede corporativa da empresa e enviam relatórios diários com os eventos ocorridos para as partes interessadas de forma automática. Dessa forma, os profissionais passam a ter conhecimento de tudo o que acontece no ambiente empresarial e responder rapidamente aos incidentes, antes que eles causem danos irreparáveis ao negócio.

E sua empresa, como responde a incidentes? Já conta com uma ferramenta que coleta informações de problemas automaticamente? Aproveite para conhecer as soluções da Untangle ou deixar suas dúvidas nos comentários abaixo!

Paulo Henrique Baptista de Oliveira

Paulo Henrique Baptista de Oliveira

CEO Linux Solutions em LInux Solutions Informática
Empresário do ramo de tecnologia há mais de 18 anos, líder em consultoria, serviços e soluções baseadas na plataforma Linux. Especializações: Segurança, Servidores, Linux, Open Source, SW Livre Parcerias: Untangle e Bacula do Brasil.
Paulo Henrique Baptista de Oliveira

incidentes


Paulo Henrique Baptista de Oliveira

Empresário do ramo de tecnologia há mais de 18 anos, líder em consultoria, serviços e soluções baseadas na plataforma Linux. Especializações: Segurança, Servidores, Linux, Open Source, SW Livre Parcerias: Untangle e Bacula do Brasil.

Fale conosco:

Assessoria Completa

Desde 2000 no mercado, a Linux Solutions hoje é referência na implantação, treinamento, manutenção e suporte das melhores soluções baseadas em software livre.

Copyright © 2000 - 2018 - Linux Solutions

Av. Presidente Vargas, 482 - sala 326 - Centro Rio de Janeiro - RJ
21-2526-7262 - contato@linuxsolutions.com.br


Agencia de Crescimento