Criptografia – a chave pra segurança de TI de sua empresa

Diversas empresas espalhadas pelo mundo já fazem investimentos em criptografia. E o Brasil já é um dos países em que mais estão ligados nesta área. Atualmente, temos a expansão da tecnologia do IP em projetos para monitoramento por vídeos, com diversos avanços incrementados na capacidade para fornecer um sistema que mostre inteligência para visualisação em tempo real.

Da mesma forma, temos também o crescimento acelerado de hackers e outros pesquisadores, que estão focados em encontrar eventuais vulnerabilidades para que assim consigam explorar a invasão dos mais variados sistemas em que estão presentes. Saiba mais!

Segurança Eletrônica

Os fabricantes das áreas ligadas à segurança eletrônica necessitam estar atentos para que seus produtos se tornem mais funcionais contra ações que possam ser um risco à sua segurança. Ataques cibernéticos podem significar um enorme perigo para instalações, sejam estas públicas ou privadas.

A solução para combater os possíveis ataques, as organizações estão investindo mais na implementação da criptografia dos dados, assim também como os grandes fabricantes do mercado de segurança, que também implementam a proteção dos dados, evitando assim os riscos de invasão.

Se for bem elaborada, uma criptografia irá dificultar até mesmo a realização de investigações policiais. Por conta deste tema que foi criada a criptografia responsável, que também é chamada de “backdoor”, algo que governos e outros hackers tem acesso aos dados protegidos.

Se for aplicado o backdoor presente no algoritmo da criptografia, existe a vulnerabilidade da segurança de cada um dos dados. Desta maneira, os hackers podem ter lucros com o banco de dados das senhas, e os usuários poderão invadir o sistema de monitoramento de vídeo.

O papel dos fabricantes

As empresas fabricantes destes sistemas deverão se responsabilizar por projetar melhor a segurança dos seus produtos, com o fim de dar o fornecimento da integridade na hora de proteger os dados. Seria muito catastrófico se houvesse a invasão de um sistema de vigilância interno, que se integra com sistemas de alarme e acesso ao local. Hoje em dia, é comum que haja a destravação de alarmes ou de outras aberturas de portas através do sistema de monitoramento de vídeos.

Um padrão que costuma ser bem utilizado com os dispositivos IP e com outros servidores, é a criptografia conhecida como AES 256. Esta se inclui por chaves que podem contar com até 256 bits, e contribui para evitar outros tipos de intrusos, com o acesso sem autorização de dados armazenados.

Conclusão

É possível ver que as tecnologias ligadas à criptografia atual são de grande valor para a redução de riscos associados com perdas ou roubos de dados. Isso permite garantir a melhor maneira de gerenciar algo mais descentralizado, com muita segurança, bem como dispositivos de locais remotos ou variados.

No momento atual, o que se pede é que as empresas façam a reconsideração de custos relacionados à proteção de rede, a fim de garantir confiança e credibilidade da sua marca em um mercado com maior competitividade e seguro.

E você, como usa a criptografia a seu favor? Conte nos comentários! Caso queira conhecer melhor o Untangle, acesse o demo do produto: http://demo.untangle.com

criptografia, segurança

Fale conosco:

Assessoria Completa

Desde 2000 no mercado, a Linux Solutions hoje é referência na implantação, treinamento, manutenção e suporte das melhores soluções baseadas em software livre.

Copyright © 2000 - 2018 - Linux Solutions

Av. Presidente Vargas, 482 - sala 326 - Centro Rio de Janeiro - RJ
21-2526-7262 - contato@linuxsolutions.com.br


Agencia de Crescimento